como não ter dor de cabeça com o locale no Ubuntu 8.04 Hardy Heron

ontem passei o dia conectada no irc, conversando com os bandidos do #linuxers. lá pelas tantas crudo disse que minha acentuação saía toda bagunçada, cheia de símbolos do mal. ele aconselhou que eu modificasse a codificação de caracteres, que estava em UTF-8, para uma que inclui caracteres acentuados, a ISO 8859.

dei uma googleada e achei de primeira um tutorial interessante, bem fácil de seguir. o problema é que não funcionou do jeito esperado na minha máquina: tudo ficou em inglês (tudo mesmo, até o BrOffice!) e eu, claro, me desesperei a ponto de ficar com dor de cabeça. mããããs graças ao socorro do crudo, do Knoppix_Debian e do Sidney_ tudo voltou ao normal e eu pude dormir sossegada, sabendo que minha gambiarra (a máquina) estava fora de perigo.

então vamos lá, mão na massa!

Começando pelo começo…

a primeira coisa a fazer é abrir o terminal e logar como root:

fulaninho@maquina: su
senha:

feito isso, use o nano para editar /etc/enviroment com as seguintes linhas:

LANG=”pt_BR”
LANGUAGE=”pt_BR:pt:pt_BR.iso8859-1″

edite também o /etc/default/locale:

LANG=”pt_BR”
LANGUAGE=”pt_BR:pt:pt_BR.iso8859-1″

agora execute:

echo “pt_BR pt_BR.ISO-8859-1” >> /etc/locale.alias

esse arquivo grava os aliases para os locales, isso é pra facilitar as configurações.

dentro do diretório /var/lib/locales/supported.d encontramos três arquivos: “pt”, “en” e “local”. em nosso caso, é aconselhável apagar o “en”. e somente ele! se você apagar o “pt”, provavelmente seu sistema vai ficar todo em inglês e você vai ter dor de cabeça pra voltar ao que era. :P

deixe seu “local” igualzinho ao que está aí embaixo:

pt_BR.ISO-8859-1 ISO-8859-1

pronto, agora é só reconfigurar!

# localdef pt_BR -i pt_BR -f ISO-8859-1
# localdef pt_BR.ISO-8859-1 -i pt_BR -f ISO-8859-1
# localdef pt_BR.ISO8859-1 -i pt_BR -f ISO-8859-1
# dpkg-reconfigure locales
# locale-gen –purge
# locale-gen

Noves fora

reinicie o sistema e verifique a nova codificação através do comando locale. o sistema deve retornar da seguinte maneira:

root@maquina:~# locale
LANG=pt_BR
LANGUAGE=pt_BR:pt:pt_BR.iso8859-1
LC_CTYPE=”pt_BR”
LC_NUMERIC=”pt_BR”
LC_TIME=”pt_BR”
LC_COLLATE=”pt_BR”
LC_MONETARY=”pt_BR”
LC_MESSAGES=”pt_BR”
LC_PAPER=”pt_BR”
LC_NAME=“pt_BR”
LC_ADDRESS=“pt_BR”
LC_TELEPHONE=“pt_BR”
LC_MEASUREMENT=“pt_BR”
LC_IDENTIFICATION=“pt_BR”
LC_ALL=

agora sim, a codificação usada é a ISO 8859-1! (tomara, hehe)

é isso, pessoas. :)

inté.

Anúncios

3 comentários sobre “como não ter dor de cabeça com o locale no Ubuntu 8.04 Hardy Heron

  1. “Pelas Barbas Do Profeta”, Célia, esta nova dica vai para o caderninho, pois nem eu sabia como fazer !!! :O

    Continue escrevendo, não pare, pois é sempre bom ter mais e mais dicas ….. :d

    beijo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s