frente nacional pelo aborto e contra a criminalização das mulheres

aborto

aborto2

Anúncios

I Encontro de Conhecimentos Livres – 2009

cdtl

O Centro de Desenvolvimento em Tecnologias Livres (CDTL), Pontão de Cultura Digital de Pernambuco, começa pelo Recife, cidade onde está sediado, a primeira atividade de formação do projeto, dentre as nove programadas para acontecer até maio deste ano no Nordeste. De 12 a 18 de janeiro acontece na Casa da Cultura o Encontro de Conhecimentos Livres (ECL), evento que combina oficinas voltadas para a produção multimídia com softwares e hardwares de código-aberto com mostra de cultura livre e digital.
Ao longo da semana serão ministrados seis minicursos: Áudio, Vídeo, Metareciclagem, Introdução à Programação com Python, Artesanato Digital e Fotonovela. Essas oficinas, cujo público-alvo são os Pontos de Cultura, buscam unir conceitos libertários de aprendizado, à criação artística e padrões tecnológicos, visando a formação de multiplicadores.
Em Pernambuco, as oficinas de Áudio e Vídeo serão realizadas em parceria com a TV Brasil, visando criação de conteúdo para o programa Ponto Brasil (www.pontobrasil. org.br). Para conduzir os trabalhos audiovisuais de seis temáticas, que serão transformadas em programates de até cinco minutos, foram convidados os Pontos de Cultura Coco de Umbigada, Cinema de Animação, Ação Cultural e Negras Raízes, que começaram a se reunir em dezembro de 2008.
De segunda (12) a sexta-feira (16), das 9h às 12h e das 13h às 17h, a oficina de Metareciclagem acontece na Casa da Cultura. Aqueles que se integrarem no tema aprenderão mais sobre reapropriação de tecnologia com foco na transformação social. Ministradas pelo oficineiro do CDTL, Fábio Moura, as aulas passarão pelo reconhecimento dos componentes de um computador, reaproveitamento de equipamentos descartados e instalação de software livre. Além da formatação de novas máquinas, a oficina ainda propõe o uso das peças de maquinário como matéria-prima para criação de esculturas, bijouterias, moda, objetos de decoração, entre outros.
Ainda na Casa da Cultura, também de 12 a 16 de janeiro, das 9h às 12h e das 13h às 17h, a oficina de Fotonovela, será conduzida pelas integrantes do coletivo recifense Mané a Troá, Adrianna Figueiredo, Maria Simonetti e Ioanna Papou, misturando crítica social, humor e ficção. Além de aprender sobre esta linguagem, os participantes também ficarão sabendo sobre funcionalidades dos softwares livres para diagramação gráfica Inkscape e GIMP. Os lambe-lambes, resultado das aulas, serão colados no dia 17 e ficarão em exibição na Torre Malakoff.
A oficina de Introdução à Programação com Python será realizada no Ponto de Cultura De Antena Ligada (CAIS do Parto), em Olinda, entre 12 e 16 de janeiro, das 9h às 12h e das 13h às 16h. Propondo um desafio para a área cultural, o conteúdo envolve desde conceitos básicos de algoritmos e estruturas de dados (listas, pilas, filas bem como árvores de busca binária), até noções da linguagem de programação Python (tipos de dados, estruturas condicionais, classes, métodos e exceções). De acordo com o programador e oficineiro Thiago Moreira, o principal objetivo destas oficinas é “oferecer possibilidades para que o usuário possa tirar o máximo proveito dos recursos midiáticos e equipamentos, usando programação de uma maneira simples e direta”.
Integra ainda a programação do Encontro de Conhecimentos Livres de Pernambuco a oficina de Artensanato Digital, que será apresentada no dia 17 de janeiro, das 14h às 17h, na Casa da Cultura, por Ricardo Brazileiro, militante e estudioso da área de Educação e Tecnologia com ênfase em Tecnologias Livres e Metodologias de Aprendizagens Colaborativas. A idéia é utilizar as plataformas Processing (http://processing. org), Pure Data (http://puredata. info), GIMP (http://gimp. org), Inkscape (http://inkscape. org) e Arduino (http://arduino. cc) para prototipar soluções de arte interativa e computação gráfica, criando samples de som e imagens, animações, performances, jogos, ambientes interativos, instalações, enquanto se aprofundam nos fundamentos da programação.
Além da parte de formação, também haverá o momento voltado para a sustentabilidade dos grupos culturais, foco da diretriz de Geração de Renda do CDTL. Na segunda-feira (12), das 15h às 18h, na quarta-feira (14), das  9h às 12h, e na quinta-feira (15), das 15h às 18h, na Casa da Cultura, serão mapeados os produtos e serviços oferecidos pelos coletivos, instituições ou indivíduos participantes do ECL. Segundo Pedro Jatobá, coordenador de Geração de Renda do Pontão de Cultura Digital de Pernambuco, a idéia é “mapear o que os pontos produzem, quais conhecimentos e equipamentos podem oferecer”, com o objetivo de criar uma rede de divulgação e consumo daquilo que é produzido na área cultural.
O encerramento do Encontro de Conhecimentos Livres será realizado na Torre Malakoff, no domingo 18 de janeiro, das 15h às 20h, com a mostra L.I.BR.E.S., onde serão exibidos os produtos de cada oficina, bem como outros produtos audiovisuais, metareciclados e criados em, com ou a partir de tecnologias livres.
As inscrições para as oficinas, que têm 10 vagas cada, podem ser feitas clicando aqui, acessando http://www.tecnologiaslivr es.org ou solicitando a ficha de inscrição pelo e-mail contato@tecnologias livres.org. Lembrando que 5 vagas são reservadas para os Pontos de Cultura. As oficinas são gratuitas. Dúvidas e outras informações: (81) 3423-4580.
O Encontro de Conhecimentos Livres de Pernambuco é uma realização do Centro de Desenvolvimento em Tecnologias Livres, através de parceria com o Ministério da Cultura, Fundação do Patrimônio Histórico e Artístico de Pernambuco (Fundarpe), TV Brasil, Casa Brasil, Estúdio Livre, Recife Plaza Hotel e Coletivo Mané a Troá.